sexta-feira, outubro 03, 2008

adeus

Este blog termina aqui. Excedi a capacidade de armazenamento, dizem eles.

quinta-feira, outubro 02, 2008

Cinema francês

Cinema francês ao longo de 30 dias


CRISTIANO PEREIRA


A nona edição da Festa do Cinema Francês arranca esta quinta-feira, às 21.30 horas, no Cinema São Jorge, em Lisboa. O certame prolonga-se durante um mês e estende-se, também, a salas de Almada, Coimbra, Porto e Faro.
Uma das novidades desta edição passa pela criação de duas novas secções: "Cannes em Portugal" e "Paris-Lisboa". A primeira pretende ser uma homenagem à Quinzena de Realizadores do Festival de Cannes e promete a exibição de 19 filmes que passaram na Quinzena neste últimos anos mas que nunca chegaram a ser estreados em salas portuguesas. A segunda é organizada em parceria com a Cinemateca Portuguesa e apresentará dez filmes rodados nas cidades de Paris e Lisboa. A abertura desta nova secção será asinalada por um cine-concerto do artista Jacques Cambra, segunda-feira, na Cinemateca.
O certame arranca com a projecção de "Les femmes de l'ombre", de Jean-Paul Salomé.
Até dia 2 de Novembro, a Festa do Cinema Francês alarga a sua programação a nove salas de cinco cidades, propondo uma oferta que amealha valores seguros como Alain Corneau ("Le deuxième souffle"), Cèdric Klapisch ("Paris") ou, entre outros, Robert Guédiguian ("Lady Jane") e novos talentos como Eric Guirado ("Le fils de l'épicier"), Julie Lopes-Curval ("Toi & Moi") ou Cédric Anger ("Le tuer"). Pelo meio, destaca-se "Entre les murs", de Laurent Cantet, que ganhou a Palma de Ouro 2008.
Paralelamente, este evento organizado pelo Instituto Franco-Português propõe iniciativas como exibições de curtas metragens, concertos, exposições ou a sessão de apresentação de "Beijos de luz", o livro de Éric Fottorino, actual director do jornal "Le Monde".